Os Seis Cegos e o Elefante

Printer-friendly versionPrinter-friendly versionSend by emailSend by email

Era uma vez seis cegos que todos os dias ficavam na beira de uma estrada e pediam esmola às pessoas que passavam. Eles costumavam ouvir sobre elefantes, mas nunca tinha visto um - já que eram cegos.
Um dia, eles pediram a um amigo para levá-los ao zoológico e ao lugar onde o elefante ficava. Quando foram informados de que a grande besta estava diante deles, os seis cegos se encheram de felicidade. Mas como não podiam ver o elefante com os olhos, eles pensaram que ao tocá-lo poderiam descobrir que tipo de animal era. Assim, imploraram ao zelador do zoológico que lhes permitisse entrar na jaula do elefante e chegar perto do animal.
O primeiro colocou a mão na lateral do elefante.
— Muito bem! — disse ele. — Já sei tudo sobre esse elefante. Ele é exatamente como uma parede.
O segundo sentiu o marfim do elefante.
— Meu irmão — disse —, você está enganado. Ele não se parece em nada como uma parede. O animal é redondo, liso e afiado. Lembra mais uma lança do que qualquer outra coisa.
O terceiro acabou segurando a tromba do elefante.
— Vocês dois estão errados. Qualquer pessoa esclarecida pode ver que o elefante se parece com uma cobra.
O quarto estendeu o braço e agarrou uma das pernas do elefante.
— Ah, como vocês são cegos! — exclamou. — Está muito claro para mim que ele é redondo e alto como uma árvore.
O quinto era um homem muito alto e conseguiu segurar a orelha do elefante.
— Até o homem mais cego vai saber que esta besta não se parece com nenhuma das coisas que vocês mencionaram — afirmou. — Ele é idêntico a um grande ventilador.
O sexto era de fato muito cego e demorou um certo tempo até conseguir encontrar o elefante. Por fim, ele segurou a cauda do animal.
— Como meus companheiros são tolos! — bradou. — Vocês só podem ter perdido os sentidos. Este elefante não se parece como uma parede, ou uma lança, uma cobra, uma árvore; muito menos com um ventilador. Qualquer homem com um pingo de sentido pode ver que ele é igual a uma corda.
Em seguida, o elefante afastou-se deles, e os seis

Language:

Download ANDROID app: 
Download AUDIO: 

File types:

Facebook Comments Box

Public Domain Mark 1.0
This @dc:type-name, @dc:title, by @cc:attributionName, is free of known copyright restrictions.

Tell Us A Story !

Files must be less than 8 MB.
Allowed file types: mp3 wav wma.
Leave blank to use trimmed value of full text as the summary.
Description of story
Type your name here
Type Your Email Here
Upload a replacement picture for your story
Files must be less than 64 MB.
Allowed file types: png gif jpg jpeg.
CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Image CAPTCHA
Enter the characters shown in the image.

Vertical Tabs